JOCOL FUTSAL SÉRIE A

Vila Comboni vence no "tapetão", mas perdeu semifinal na quadra para o ATLÉTICO FC
Ontem a noite no ginásio do Sesi, no bairro Gethal, aconteceu a tão esperada segunda partida da semifinal do futsal da série A do Jocol. Ou seja, enfrentaram-se Atlético FC, atual campeão da modalidade e o AD. Vila Comboni, do popular Luis Picinini, que acabou vencendo no “tapetão” a queda de braço contra o Benfica FC.  Em outras palavras, o AD  Vila Comboni ganhou na primeira estância os pontos da partida válida pelas quartas de finais, quando perdeu de 05 a 02, mas através de denúncia na Comissão Disciplinar do Jocol, trouxe a julgamento e venceu. O caso estava parado no Tribunal de Justiça Desportiva de Lages, mas acabou indeferido pelo presidente, Delmar Sabatine, e manteve-se a vitória do Vila Comboni, pelo fato do Benfica usar 4 atletas federados na modalidade, quando pode apenas três.
 

O jogo
Foi “pegado” do começo ao fim, terminou com vitória do Atlético FC, que venceu por 06 a 03. Apesar do resultado elástico, o presidente do Vila Comboni e alguns jogadores deixaram a quadra reclamando muito da arbitragem de Ivan “delegado da Pedreira”, vulgo “Cabeça” e Olavo Telles (isso bem no dia Nacional do Oficial de Arbitragem). Segundo Picinini “Cabeça” equivocou-se em uma falta quando o jogo estava mais quente e acabou mexendo com os brios de sua equipe, que na realidade, cansou. Ou seja, com seu filho Lucas de “molho” até o final do ano graças a uma cirurgia, sua equipe perdeu muito o poder ofensivo, não tinha suplentes à altura da equipe do Atlético e sem contar que o bom goleiro de futebol de campo, Mauricio Sofiatti, nunca foi “guarda metas” de futsal.
SER Palmeiras x Atlético
E se não houver mais nenhuma interrupção judicial, já que segundo consta em regulamento, caso o Benfica resolva levar o caso para a justiça comum, cabe o declínio  do time da Série A para a Série C de 2014. Acredito que não acontecerá isso, portanto, o título da temporada deverá ficar no bairro Centenário e em família.
Detalhe – Atlético e SER Palmeiras são equipes do mesmo bairro;
Outra – Se não me falha a memória, Deoclécio, presidente do SER Palmeiras e genro do seu Nelson Santana, presidente de honra do Atlético. Assim, tudo em casa, resta saber até quando. E a rivalidade?
Pergunta:
O que será que decidiram do futsal feminino?
Revolta:
Tinha gente reclamando na FME ontem, quando passei por lá, que um  suposto jogador de um dos “Cruzeiros”, não sei qual, havia jogado com três cartões amarelos e acabou absolvido na Comissão Disciplinar.....Aliás, não sei e nem o porque, mas se foi apenas suposição ou erro de grafia permaneceu o resultado, após várias horas julgamento a portas fechadas.
Pergunto-me?

Quero estar errado, mas ouvi...vejam só, ouvi que: Quase toda a Comissão Disciplinar deste ano é formada por funcionários da FME, o que segundo sabe-se não pode. No entanto, os julgamentos estão realizados. Se for verdade, o primeiro clube que ingressar contra os julgamentos vence. Enfim, alguém pode me clarear a realidade, quem tem razão?
PAGO MEIA DÚZIA DE GELAS.....

0 comentários:

Postar um comentário