JOCOL - FINAIS COM HORÁRIOS DEFINIDOS

Finais da série A e sub 40 serão no sábado e domingo a tarde
A coordenação dos  Jogos Comunitários de Lages – Jocol, anunciou na tarde de ontem, os horários das finais das modalidades de futebol suíço mais 40 anos e também da Série A do futebol. 
Sábado
A tarde, no Campo do Pinheirinho, bairro Passo Fundo, acontece os confrontos do futsuíço, sendo eles: 17h – Colorado Guarujá x Botafogo (decisão de terceiro) e as 18h – Atlético FC x Benfica (decisão de primeiro lugar). 
Domingo
Já as finais da série A serão no domingo, sendo: 14h45min – Cruzeiro x Ájax/Morphos e 16h30min a esperada decisão do titulo da temporada, entre Botafogo e Benfica.

Falando dos jogos de domingo
O Botafogo ao vencer o Ájax mostrou que sua regularidade ao longo da competição não é por acaso. O atacante Pablo vem em grande fase, marcou os dois jogos do confronto e poderia ter feito mais, se não fosse o desperdício de oportunidades.

 Com o marcador favorável, o Botafogo se fechou na defesa e passou a explorar as saídas de contra-ataque. Porém, deu mole em uma cobrança de escanteio, sofreu um gol praticamente contra, em lance que o goleiro subiu pressionado para a divisão de bola entre um zagueiro do Ájax e o seu volante.

Notei muita união entre os jogadores. O falecimento do fundador da equipe, popular “Tio Cide”, parece que mexeu com os brios de alguns jogadores, pode estar pintando uma grande decisão. Afinal, tanto Botafogo como o Benfica são equipes leves, será um jogo atrativo a decisão. Digo hoje – Jogo sem favoritos!

Homenagem feita ao fundador do Botafogo. Ela está em camisas de passeio, de torcedores e
também dos jogadores


Aliás.....
Falando em jogo, duas cenas me chamaram atenção domingo. A primeira foi os atletas de Benfica e Cruzeiro tendo que passar por um buraco na tela, que, inclusive, foi por onde eu passei também, já que a mesária da partida demorou em vir abrir o portão. 


Porque motivos não sei, mas comprovou-se, que é fundamental que pelo menos duas pessoas trabalhem na mesa em jogos finais naquela praça de esporte. Cada uma cuida de um banco de reservas e quando uma sai para atender o portão, a outra fica em função do jogo. O portão principal de acesso ao gramado é muito longe e chamar atenção de “boleiro” é a pior “viagem”, você fala o que pensa e escuta o que não quer.


Foi o que aconteceu com a mesária, que em minha opinião errou e feio. Depois que todo mundo já está dentro do campo, vai pedir para sair? Não né!


Primeiro – quem está em campo ocupa os vestiários, ou seja, quem chega tem que se trocar ao relento e até as famosas preleções ocorreram abaixo árduo sol que pairou sobre a cidade. Esperar acabar o jogo para então se trocar é motivo de "briga", portanto, falta bom senso em algumas coisas.

Segundo – O árbitro e seus assistentes quando chegam, tem um vestiário coletivo e sua preocupação é com a planilha de jogo. Deu o horário, eles estão convocando as equipes e quando se tenta enrolar um pouquinho, tem “alguns”, que inclusive eu já vi, acabam sendo ásperos.

Além do mais...
Não sei o porquê de não se realizar o jogo no estádio, afinal, o gramado é novo, o Inter não está usando (acabou a temporada) e daria um pouco mais de status ao encerramento da competição.

Isso sem contarmos em segurança.....
Vejam os registros que fiz. Trata-se de uma briga, que por sinal não tem nada a ver com os jogos, mas que mancha o espetáculo porque foi em meio as torcidas. Não sei se foi por causa de jogo, mas foi com um árbitro que não trabalhava na ocasião e precisou de intervenção do policiamento, que por sinal, se fez presente e garantiu o espetáculo. Mas, venhamos e convenhamos. Tinha mulheres, crianças, idosos e muitos saem de casa para ver qualidade de vida e não “UFC”. Nada contra esse tipo de esporte, mas com certeza, essa modalidade não existe no Jocol, ainda.


E por fim....
O que dizer dos “guerreiros” do Cruzeiro? Foram a campo improvisados e tomaram um “sacode”. Erraram muito. O placar de 05 a 00 não condiz com a campanha da equipe. 
  

Si bem que teve jogador que não estava nem aí com o resultado....Prometeu a semana toda que iria fazer a diferença, chegou “trincando” os “pacova” no jogo, ficou na reserva e ainda queria graça. Que fase!

0 comentários:

Postar um comentário